FLN - Florianópolis

Florianópolis

A favorita

Por Ricardo Freire

Nos últimos tempos, nenhuma cidade emplacou com tanta força no imaginário nacional quanto Florianópolis. A combinação de “42 praias” com “qualidade de vida” faz de Floripa um destino desejado tanto para passar férias quanto para viver.

Autoestradas, túnel e viadutos têm sido construídos para acomodar o crescimento da cidade, que segue atraindo migrantes de alta escolaridade e poder aquisitivo.

A transformação da capital sonolenta de antigamente na moderna metrópole de hoje, entretanto, não afetou a diversidade da ilha. Vilarejos açorianos, colônias de pescadores, praias selvagens e matas preservadas continuam onde sempre estiveram, a poucos minutos do Centro da cidade.

O que fazer em Florianópolis

As 42 praias têm usos distintos. Para lounges de praia, Jurerê Internacional. Gente bonita e paisagem rústica, Praia Mole e Point do Riozinho, no Campeche. Para ir com criança, Lagoinha de Ponta das Canas. Trekking, Lagoinha do Leste. Naturismo? Galheta. Surf: com serviço de bordo, Praia Brava; ambiente selvagem, Moçambique; junto a aldeia de pescadores, Matadeiro.

Não deixe de comer ostras perto dos seus criadouros – nos vilarejos açorianos de Ribeirão da Ilha e Santo Antônio de Lisboa (especialmente recomendado ao pôr do sol).

A noite é mais animada nas imediações da Rua Bocaiúva (no Centro), no Canto da Lagoa e no Centrinho da Lagoa da Conceição.

​​
voltar