MOC - Montes Claros

O norte do progresso

Em Minas se sabe: todos os caminhos levam a Montes Claros. Nada menos do que seis estradas federais desembocam por lá, contribuindo para fazer da cidade uma metrópole do norte mineiro.

A economia é sólida, baseada num parque industrial bastante diversificado: vai de tecidos a materiais de construção, passando por derivados de leite e produtos farmacêuticos. O futuro é garantido pela grande população universitária: Montes Claros conta com campi da UFMG, da Estadual de Minas e de mais 13 instituições particulares.

Ironicamente, esta potência industrial serve como atalho para quem quer quiser descobrir uma das últimas maravilhas de produção artesanal do Brasil: as cachaças da região de Salinas, pertinho dali.

Por conta, sobretudo, da grande população de jovens universitários, Montes Claros tem uma vida noturna animada. O ponto de encontro é a Av. Esteves Rodrigues, no Centro, onde estão os bares mais muvucados.

De dia, visite os parques que existem tanto na cidade quanto nos arredores. O destaque é o Parque da Sapucaia, uma reserva florestal na Serra do Ibituruna, onde dá para praticar voo livre, aeromodelismo ou simplesmente brincar de subir no teleférico.

A região tem muitas cavernas. O complexo espeleológico da Lapa Grande guarda fósseis de animais e tem formações muito bonitas. A mais impressionante delas se estende por um rio subterrâneo até a cachoeira da Lapa Encantada.