PNZ - Petrolina

Indisponível

Da água para o vinho

À beira do Rio São Francisco, Petrolina é oásis de dinamismo no sertão. A cidade transforma a água do Velho Chico numa fonte de energia para empreender e ousar.

Junto com Juazeiro, na margem oposta do rio, Petrolina forma maior aglomerado urbano do semiárido brasileiro. Acaba de se tornar sede de uma universidade federal. E é também o principal exportador de frutas do país. Há algum tempo, porém, a cidade não se contenta mais em apenas cultivar as uvas – tornou-se também produtora de vinhos, cada vez mais elogiados, elaborados com a consultoria de enólogos estrangeiros.

No extremo Oeste de Pernambuco, Petrolina está pertinho do Piauí – e por isso proporciona o acesso mais fácil a quem quer visitar o Parque Nacional da Serra da Capivara, mundialmente famoso pelas pinturas rupestres e sítios arqueológicos.

Quem nunca sonhou em navegar no São Francisco? Atravesse Juazeiro e pegue uma das barcas que passeiam pelo rio. Ainda na cidade baiana, visite o centro histórico e o Museu Regional, que lembra os vapores que circulavam pelo rio.

De volta a Petrolina, não dá para não ir ao Bodódromo -- nem que seja só para dar uma espiada nas dezenas de restaurantes e bares, que preparam a fina iguaria do sertão de todas as menrias: na brasa, ao vinho e a clássica buchada.

No Centro, a cidade ainda reserva o Museu do Sertão e o Espaço Cultural Ana das Carrancas – separe um pedaço da mala para levar uma carranca para casa. Fora da cidade, visite as vinícolas; contrate um guia para visitar os parrerais e assistir à colheita.

voltar